Ir para o menu de navegação principal Ir para o conteúdo principal Ir pro rodapé

Artigos

v. 10 n. 3 (2015): Setembro/2015

Governança Corporativa e Custos de Agência nas Empresas com Influência Governamental

DOI
https://doi.org/10.7177/sg.2015.V10.N3.A6
Enviado
março 12, 2014
Publicado
setembro 30, 2015

Resumo

Este artigo analisa empiricamente a relação entre influência governamental e custos de agência no Brasil. Como medidas de custos de agência o artigo adota dois indicadores: a taxa de eficiência dos ativos e a razão entre despesas administrativas e receitas de vendas. Utilizando-se de uma amostra de 242 companhias abertas brasileiras nos anos de 2011 e 2012, aplicou-se o método das regressões lineares com mínimos quadrados ordinários em cortes transversais.  Os resultados não mostram indícios congruentes para a existência de relacionamento entre as variáveis, trazendo evidências conflitantes conforme a medida de custo de agência adotada. Contudo, a presente investigação se mostra um assunto a ser pesquisado em um período de tempo maior e por meio de testes estatísticos adicionais.

Downloads

Não há dados estatísticos.