Ir para o menu de navegação principal Ir para o conteúdo principal Ir pro rodapé

Artigos

v. 11 n. 1 (2016): Março/2016

GESTÃO DE REQUISITOS PARA UM PORTAL DE INOVAÇÃO ABERTA

DOI
https://doi.org/10.20985/1980-5160.2016.v11n1.827
Enviado
setembro 11, 2014
Publicado
março 31, 2016

Resumo

Resumo

         Os portais de inovação (PI) são ferramentas tecnológicas cruciais para o fluxo de informações, desenvolvimento e competitividade empresarial. No âmbito dos Sistemas Regionais de Inovação (SRI), a utilização de um PI pode contribuir para a implementação da estratégia de inovação aberta, promovendo e favorecendo a aproximação dos stakeholders e possibilitando a disseminação de conhecimento e elaboração de projetos colaborativos entre empresas e instituições de pesquisa. Este artigo apresenta uma proposta para o desenvolvimento de um PI com base nas etapas iniciais da gestão de requisitos, considerando os diferentes grupos de instituições e parceiros presentes no SRI. Para a estruturação do portal, os requisitos foram identificados através do arcabouço teórico da pesquisa e nas entrevistas realizadas com especialistas, sendo posteriormente priorizados e selecionados com apoio do método Quality Function Deployment (QFD), e segmentados com a Cluster Analysis (CA). Os resultados apontaram dois perfis de stakeholders, um que valoriza mais requisitos de incentivo à participação e capacitação, e outro mais direcionado para as questões de acessibilidade. Esta percepção, associada à flexibilidade dos portais, possibilita o desenvolvimento de um portal customizado e que vise atender aos requisitos priorizados neste estudo.

Downloads

Não há dados estatísticos.