Ir para o menu de navegação principal Ir para o conteúdo principal Ir pro rodapé

Artigos

v. 14 n. 4 (2019): DEZEMBRO 2019

Uma análise sistêmica do extracusto em empresas baseadas na venda de projetos

DOI
https://doi.org/10.20985/1980-5160.2019.v14n4.1561
Enviado
agosto 2, 2019
Publicado
janeiro 20, 2020

Resumo

Fatores que influenciam no risco de extracusto na execução de projetos atraem a atenção de muitos pesquisadores. Porém, cada estudo disponível na literatura foca seus esforços no entendimento de alguns fatores avaliados como relevantes no contexto do problema daquele estudo e, normalmente, sem considerar as interações entre fatores. Esta lacuna de consideração pode levar a conclusões imprecisas sobre os potenciais danos causados pelos problemas que ocorrem ao longo do ciclo de vida do projeto, prejudicando a assertividade no processo de tomada de decisão e representando potencial risco adicional à performance do projeto. O objetivo deste estudo é identificar e integrar, de forma sistêmica, os fatores e respectivas relações causais que influenciam no risco de extracusto de execução em empresas baseadas na venda de projetos. Para tal, realizou-se uma revisão sistemática da literatura (RSL), e as relações entre os fatores identificados foram integradas em um diagrama causal, por meio de uma abordagem sistêmica. Os resultados obtidos podem contribuir para melhor compreensão do complexo sistema que envolve o fenômeno do extracusto e suportar um processo de tomada de decisão mais assertivo. Ao final, apresentam-se algumas limitações e possibilidades de sequência de estudos, por exemplo, o desenvolvimento de um sistema de predição de risco de extracusto, baseado em Redes Neurais Artificiais (RNA).

Downloads

Não há dados estatísticos.