Ir para o menu de navegação principal Ir para o conteúdo principal Ir pro rodapé

Artigos

v. 13 n. 1 (2018): MAR 2018

Gestão ambiental em resíduos sólidos: construções sustentáveis e ecoeficiência

DOI
https://doi.org/10.20985/1980-5160.2018.v13n1.1319
Enviado
maio 16, 2017
Publicado
março 2, 2018

Resumo

As atividades da indústria da construção civil geram grandes impactos negativos ao meio ambiente. A fim de evidenciar e apontar novas tendências nos processos e materiais utilizados surge o presente artigo, que objetiva identificar aspectos ligados às obras sustentáveis em construções de pequeno e médio porte. Analisa conceitos e novas tendências para o setor construtivo como ferramentas para o atendimento às exigências da Política Nacional de Resíduos Sólidos, no que tange à observação de princípios de sustentabilidade voltados para a aplicação contínua de estratégias ambientais preventivas. Trata-se de um estudo exploratório, bibliográfico, que teve como finalidade ampliar o conhecimento sobre construções sustentáveis, de modo a garantir familiaridade com o tema e difundir informações que possam colaborar com a preservação ambiental. Apresenta e discute os resultados levantados durante visitas técnicas realizadas junto a obras consideradas de cunho sustentável. Conclui que há uma tendência construtiva que visa utilizar técnicas e materiais para a redução da geração de resíduos, reaproveitamento da água e aproveitamento de energia alternativa e da vegetação natural. Embora as ações voltadas para a ecoeficiência na construção civil brasileira comportem valioso potencial no âmbito da prevenção, ainda são insuficientes para solucionar os graves problemas ambientais gerados pelo setor.

Downloads

Não há dados estatísticos.