Ir para o menu de navegação principal Ir para o conteúdo principal Ir pro rodapé

Artigos

v. 12 n. 3 (2017): SETEMBRO/2017

Práticas de gestão em um núcleo de inovação tecnológica: o caso da Universidade Estadual de Maringá

DOI
https://doi.org/10.20985/1980-5160.2017.v12n3.1193
Enviado
junho 30, 2016
Publicado
setembro 5, 2017

Resumo

A inovação tecnológica demanda um tipo de gestão peculiar, complexa, que deve interagir com uma diversidade de agentes no processo de inovação. O objetivo deste estudo foi analisar esta dinâmica no contexto do Núcleo de Inovação Tecnológica da Universidade Estadual de Maringá. Para tanto, foi realizada uma pesquisa qualitativa e exploratória. A metodologia empregada concilia três elementos: práticas próprias e pertinentes à gestão da inovação, aprendizagem baseada em problemas e objeto de inovação, todos elementos articulados com base em um protocolo de pesquisa oriundo de referências internacionais. Obteve-se um conjunto de ações alinhadas à gestão da inovação, fundamentadas na cultura, estratégia e oportunidades próprias ao ambiente de uma Instituição de Ensino Superior, a saber: i) adoção de práticas de gestão relacionadas à uma estrutura organizacional mais orgânica, mais flexível, menos burocrática, com diretrizes claramente estabelecidas; ii) sistema de decisões descentralizado; iii) maior utilização de instrumentos como benchmarking e best practice; iv) desenvolvimento de redes para novas parcerias; v) estrutura física adequada para propiciar um ambiente que estimule a execução de novas atividades, habilidades e conhecimentos; vi) criação de mecanismos para maior interação com clientes; e vii) realização de um planejamento estratégico para organização e compreensão do ambiente inovador, levando em consideração os propósitos de uma Universidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.