Ir para o menu de navegação principal Ir para o conteúdo principal Ir pro rodapé

Artigos

v. 13 n. 3 (2018): SETEMBRO 2018

Gerenciamento de risco na avaliação de projetos de investimento em Startup

DOI
https://doi.org/10.20985/1980-5160.2018.v13n3.1102
Enviado
novembro 3, 2015
Publicado
setembro 3, 2018

Resumo

O objetivo deste artigo é identificar se a utilização do gerenciamento de risco por parte de empreendedores de startup brasileiras minimiza o nível de incerteza dos investidores na avaliação desses projetos/empreendimentos. Para atender a este objetivo a metodologia do trabalho consistiu primeiramente na revisão da literatura sobre os temas startup e gerenciamento de risco, com o propósito de obter um arcabouço teórico para o estudo. Além disso, foi aplicada uma pesquisa de campo com dois grupos: a) representantes de instituições apoiadores, aceleradores e investidores; b) empreendedores de startup. A pesquisa de campo, de amostra intencional, teve o objetivo de conhecer a percepção dos entrevistados sobre sete categorias de riscos inerentes a projetos desta natureza, bem como se as práticas de gestão adotadas por empreendedores de startup contribuíam para a redução dessas incertezas. Os resultados indicaram: a) um baixo nível de conhecimento sobre o tema gerenciamento de risco; b) uma ligeira similaridade entre os grupos em relação ao grau de importância de cada categoria de risco; c) as três categorias de risco cujas práticas de gestão indicaram menor incidência de utilização pelos empreendedores.

Downloads

Não há dados estatísticos.