Ir para o menu de navegação principal Ir para o conteúdo principal Ir pro rodapé

Artigos

v. 12 n. 2 (2017): JUNHO/2017

ERP: uma investigação sobre a decisão entre comprar pacote comercial ou desenvolver internamente

DOI
https://doi.org/10.20985/1980-5160.2017.v12n2.1012
Enviado
maio 31, 2015
Publicado
agosto 24, 2017

Resumo

O cenário contemporâneo exige das organizações uma maior preocupação em tornar mais efetiva a gestão de suas atividades, com o objetivo de aumentar sua competitividade por meio da redução de custos e eficiência operacional. Nesse sentido, os sistemas de gestão empresarial (ERP) surgem como uma solução a essa conjuntura. Normalmente, um ERP é adquirido em forma de pacote pronto, mas algumas empresas optam por desenvolvê-lo internamente, influenciadas pela complexidade de implementação desses softwares de mercado. Assim, o objetivo deste trabalho é analisar as características de um ERP comercial e de um ERP desenvolvido localmente, traçando um comparativo entre essas duas abordagens para entender qual é a melhor solução para auxiliar os processos em grandes empresas. A metodologia utilizada foi a pesquisa qualitativa exploratória, por meio de um estudo de caso em uma grande empresa do setor industrial de equipamentos pesados, a qual, ao longo de sua existência, promoveu a implementação do ERP das duas maneiras. Verificou-se que a adoção do sistema desenvolvido internamente é mais fácil e atende melhor aos requisitos da empresa. Porém, os gestores da organização estudada entenderam que o ERP comercial é mais benéfico, devido à possibilidade de maior integração entre as filiais e as demais empresas da cadeia de suprimentos, ponto relevante na estratégia da empresa.

Downloads

Não há dados estatísticos.