Ajuste de previsão de demanda quantitativa com base em fatores qualitativos: estudo de caso em um restaurante fast food

Mateus Meneghini, Michel Anzanello, Alessandro Kahmann, Guilherme Luz Tortorella

Resumo


Este artigo propõe um método de previsão de demanda que integra modelos quantitativos com fatores contextuais qualitativos. O método proposto seleciona o modelo matemático (quantitativo) que melhor se adapta aos dados históricos, com base no coeficiente de determinação R² e erro percentual absoluto médio (MAPE). Na sequência, as previsões geradas pelo modelo selecionado são ajustadas com base na opinião de especialistas sobre fatores contextuais (realização de eventos e reformas, por exemplo) não inclusos nos dados históricos. O método proposto foi aplicado em um restaurante fast food, realizando a previsão de demanda de carnes. O método ajustado gerou um MAPE, na pior das hipóteses, de 10% quando comparado com a demanda real do período, enquanto que o modelo quantitativo, sem a intervenção dos especialistas, gerou um MAPE de até 38%.


Palavras-chave


Previsão de Demanda; Séries Temporais; Modelos Quantitativos; Ajuste Qualitativo; Fast Food



DOI: https://doi.org/10.20985/1980-5160.2018.v13n1.1188

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

 

ISSN: 1980-5160

Rua Passo da Pátria 156, bloco E, sala Sistemas & Gestão, Escola de Engenharia, São Domingos, Niterói, RJ, CEP: 24210-240

Tel.: (21) 2629-5616

Correspondência: Caixa Postal LATEC: 100175, CEP 24.020-971, Niterói, RJ